dislexia

Designação utilizada freqüentemente com relação a uma dificuldade específica, sentida por alguns alunos, na aprendizagem e utilização instrumental da leitura. De acordo com a Associação Brasileira de Dislexia, a definição vem do grego e do latim: “dis”, de distúrbio, e “lexia”, de linguagem.

Atualmente, a definição da International Dyslexia Association é a mais aceita. Segundo a entidade, “dislexia é um dos muitos distúrbios de aprendizagem”. Trata-se “…de distúrbio específico da linguagem, de origem constitucional, caracterizado pela dificuldade de decodificar palavras simples. Mostra uma insuficiência no processo fonológico. Estas dificuldades de decodificar palavras simples não são esperadas em relação à idade. Apesar de submetida a instrução convencional, adequada inteligência, oportunidade sociocultural e não possuir distúrbios cognitivos e sensoriais fundamentais, a criança falha no processo de aquisição da linguagem. A dislexia é apresentada em várias formas de dificuldade com as diferentes formas de linguagem, freqüentemente incluídos problemas de leitura, em aquisição e capacidade de escrever e soletrar.” A dislexia, muitas vezes, é associada a outras dificuldades de linguagem como a disgrafia (dificuldade no traçado gráfico) e a disortografia (inversões, omissões e alterações da palavra).

O termo dislexia tem sido alvo de muita polêmica tanto no âmbito da educação quanto no da saúde. Isso ocorre porque é freqüente a dislexia ser confundida com outros problemas de adaptação escolar, principalmente com os de atraso de desenvolvimento, de dificuldades de aprendizagem, de problemas de ordem afetiva ou de deficiência mental, entre outros. No entanto, a dislexia não é considerada uma doença. Ela é congênita e hereditária, seus sintomas podem ser identificados logo na pré-escola e contornados com acompanhamento adequado, direcionado às condições de cada caso.

Em 1971, alguns pesquisadores classificaram a dislexia em vários grupos. Assim, por exemplo, a “dislexia visual” refere-se à deficiência na percepção visual e a “dislexia auditiva” refere-se à deficiência na percepção auditiva.


COMO CITAR ESSE CONTEÚDO:
MENEZES, Ebenezer Takuno de; SANTOS, Thais Helena dos. Verbete dislexia. Dicionário Interativo da Educação Brasileira - Educabrasil. São Paulo: Midiamix, 2001. Disponível em: <http://www.educabrasil.com.br/dislexia/>. Acesso em: 21 de ago. 2017.

Deixe um comentário

Menu Title