jornada de trabalho

Termo relacionado ao tempo em que o professor permanece na escola.

Segundo as diretrizes nacionais para a carreira do magistério, elaboradas a partir da Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), a jornada de trabalho do magistério não pode ser maior do que 40 horas semanais em um mesmo cargo. A LDB dispõe que deve ser assegurado, na carreira do magistério, período reservado a estudos, planejamento e avaliação, incluído na carga de trabalho, sem determinar a proporção desse período. As horas-atividade incluem trabalho individual (preparação de aulas, correção das tarefas dos alunos) e trabalho coletivo (reuniões administrativas e pedagógicas, estudos, atendimento aos pais). As diretrizes nacionais não definem que as horas-atividade tenham que ser cumpridas no recinto escolar, mas sim de acordo com a proposta pedagógica de cada escola.

A proposta de Plano Nacional de Educação (PNE) do Ministério da Educação (MEC) é implementar, gradualmente, uma jornada de tempo integral para os professores, cumprida em um único estabelecimento escolar, de forma a viabilizar 30 horas de atividade em sala de aula, com adicional de 10 horas para outras atividades.


COMO CITAR ESSE CONTEÚDO:
MENEZES, Ebenezer Takuno de; SANTOS, Thais Helena dos. Verbete jornada de trabalho. Dicionário Interativo da Educação Brasileira - Educabrasil. São Paulo: Midiamix, 2001. Disponível em: <http://www.educabrasil.com.br/jornada-de-trabalho/>. Acesso em: 19 de fev. 2019.

Ou

Verbete jornada de trabalho, por Ebenezer Takuno de Menezes, em Dicionário Interativo da Educação Brasileira - Educabrasil. São Paulo: Midiamix, 2001. Disponível em: <http://www.educabrasil.com.br/jornada-de-trabalho/>. Acesso em: 19 de fev. 2019.

Deixe um comentário

Carregando...