mapas conceituais

São formas gráficas em que se pode representar a organização hierárquica do conhecimento sobre um tema específico. Segundo Alberto J. Cañas, do Institute for Human Machine Cognition, a utilização dos mapas dentro de um ambiente educacional são múltiplos. Entre eles, como ferramenta para discutir com o grupo um tema específico ou definir com o grupo as investigações que serão desenvolvidas; para compreender melhor os tópicos a ensinar; para determinar o conhecimento que os alunos possuem antes de iniciar uma unidade; e para avaliar os alunos ao final de uma unidade.

Os mapas conceituais dispõem uma representação em duas dimensões de um conjunto de conceitos construída de tal forma que as inter-relações entre eles fica evidente. O eixo vertical, por exemplo, expressa a estrutura hierárquica dos conceitos. Os conceitos mais gerais se encontram nos níveis mais altos, e os conceitos mais específicos se encontram nos níveis progressivamente mais baixos.


COMO CITAR ESSE CONTEÚDO:
MENEZES, Ebenezer Takuno de; SANTOS, Thais Helena dos. Verbete mapas conceituais. Dicionário Interativo da Educação Brasileira - Educabrasil. São Paulo: Midiamix, 2001. Disponível em: <http://www.educabrasil.com.br/mapas-conceituais/>. Acesso em: 19 de fev. 2019.

Ou

Verbete mapas conceituais, por Ebenezer Takuno de Menezes, em Dicionário Interativo da Educação Brasileira - Educabrasil. São Paulo: Midiamix, 2001. Disponível em: <http://www.educabrasil.com.br/mapas-conceituais/>. Acesso em: 19 de fev. 2019.

Deixe um comentário

Carregando...